O Templo de Enoch, aula 13 parte II: Interpretação Simbólica do Mito – Parmênides, PhiloPires

MAÇONARIA DO BRASIL

Série: Lendas da Antiguidade, Aula 13 parte II: Mito do Templo Subterrâneo – Interpretação Simbólica, Parmênides.

A Lenda do Templo de Enoch (o primeiro templo sem janelas e repleto de colunas)é  interpretada aqui,. à luz do simbolismo iniciático-filosófico. Retrocedemos à época em que a mente humana experimentava profundas transformações em relação à forma de se compreender o mundo. Nossa referência é o universo grego clássico. Nesta série de artigos  analisaremos o significado da Lenda pela ótica de alguns  pensadores que, municiados com suas teorias e abstrações, alicerçaram a forma de pensar do ocidente. O primeiro a nos auxiliar na tarefa de desbravar os mistérios do Templo de  Enoch é um velho conhecido, o mestre Parmênides. Fundador da Escola Eleática, Parmênides frequentaria com desenvoltura, se possível fosse, os átrios dos templos sagrados da Palestina ancestral. (veja texto integral na página : O Mito do Templo de  Enoch)

DSC02781

Ver o post original

~ por Rosemaat Abiff em 26/06/2015.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
Bruxo de Lua

"Ambularet per pænumbra."

Bnei Baruch Monterrey

Auténtica Sabiduría de la Kabbalah

symbolreader

Sharing My Love of Symbols

Sinagoga Ohel Jacob e Comunidade Hehaver

Site oficial sinagoga Ohel Jacob. Judaísmo Liberal em Lisboa. Única sinagoga askenazi em Portugal, 1934. Visitas guiadas, shabat e celebração de festividades.

Cabala sem Fronteiras

by Vinícius Oliveira

Selo 144

A VERDADE UNILATERAL

%d blogueiros gostam disto: