Individualismo e Maçonaria.

Texto escrito pelo maçom americano James E. Frey
(Terceira parte de um texto escrito no site “maçons da meia-noite”)
“Um grupo de Mestres Maçons fala sobre temas de interesse maçônico – cada um a partir de sua própria perspectiva única. Você encontrará uma vasta gama de assuntos, incluindo história, curiosidades, viagens, resenhas de livros, grandes citações, e espero um pouco de humor, bem como sobre temas de interesse para os maçons e os interessados no assunto da Maçonaria.”
* Nota dos editores * Na última peça, WB Frey falou um pouco sobre a “escuridão”. Especificamente referenciado James fez menção de “Maçonaria percebe que o homem nasce na escuridão da ignorância, mas tem a capacidade para uma maior compreensão da luz.” Nesta continuação, WB Frey fala um pouco sobre isso.
Mas o que é essa escuridão? Arquetipicamente a escuridão que habitam em é referida como a sombra. Dentro de cada um de nós é a capacidade de compaixão e severidade, e a capacidade de perceber a esperança ou o medo. Este potencial tanto para o bem eo mal é a raiz primordial do livre arbítrio e como nós nos definimos. Mas esse potencial para o mal, esta força de dúvida e raiva dentro de cada um de nós é a própria raiz do nosso instinto animal. E se este poder poderia ser utilizado e economizado para o bem maior? É esta força interior escura que sempre chamamos em tempos de intensa luta, esta luta ou fuga reflexo que habita debaixo nosso senso idealizada de si mesmo.

O arquétipo da sombra é como o medo  que se manifesta dentro de nossa recolhidos inconscientes. CG. Jung escreveu que “O Sombra é um exemplo de uma” personalidade inconsciente “, que possui um certo grau de autonomia. A sombra pode ser considerado responsável por … erros que revelam sentimentos e motivações que as auto-repudia conscientes … A sombra é o primeiro arquétipo encontrado durante a análise … tornando conscientes destas tendências reprimidas e confessando os aspectos menos desejáveis de personalidade que a sombra retrata não livrar-nos deles. “(CW 7, par, 103n)

Ao longo de nossas vidas O medo é uma central para como nós desenvolvemos nosso sentido de identidade, durante a juventude nós utilizamos o que nós tememos para construir ligações paternos com adultos para estabelecer uma sensação de segurança com o mundo. Como nós experimentamos o medo através de relações parentais ganhamos a nossa capacidade de confiar em nós mesmos como nós aprendemos a fazer experiências com o ambiente que nos rodeia. Medo de combustíveis rejeição social dos EUA para determinar o que é socialmente aceitável eo que não é. À medida que crescemos e começamos a nos definir; nós saltar de grupo social ao grupo social a experimentar com diferentes aspectos de quem somos. Este anseio para definir o nosso senso de auto não só é motivado por um desejo de aceitação, mas por medo de rejeição.

Começamos a definir a nossa auto não por aquilo que pensamos sobre nós mesmos, mas pelo que percebemos que outros pensam sobre nós. A partir deste medo que ignorar estes aspectos sombrios da nossa auto e começar a construir uma na identidade completa com base em uma realidade subjetiva distorcida. Nós ignoramos a nossa sombra e fingir que não existe e esse eu idealizado é a máscara que usamos para nos manter a salvo dos aspectos de nós mesmos que não querem realizar. A máscara é a nossa rede de segurança que nos mantém fragmentada de todo o nosso ser, porque nós não queremos a perceber a crise emocional que habita em nós. Esta máscara que usamos tem todas essas qualidades negativas, como o medo, dúvida e culpa personificada como o arquétipo sombra. Jung escreve: “A personalidade é um complicado sistema de relações entre consciência e sociedade individuais, cabendo o suficiente uma espécie de máscara, concebido por um lado, para fazer uma impressão definitiva sobre os outros, e, por outro, de dissimular a verdadeira natureza do indivíduo. “(CW 7, pars, 305)

Na próxima semana, vamos mergulhar um pouco mais para ver como isso relaciona-se ainda no molde maçônico.(acompanhe no site mesmo ativando o tradutor automatico no google chrome)

~ por Rosemaat Abiff em 03/09/2016.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Cabalistas de bombacha

Shalom Aleichem! Seja bem vindo, aqui estudaremos textos e vídeos de diversos Rabinos,focando na Cabalá Judaica tradicional, também abordaremos os costumes e a religião Judaíca.

O CAMINHO DO XAMÃ

Arte, Magia e Desenvolvimento Pessoal

Portalfisica.com

Portal acadêmico de apoio às aulas Presenciais - Prof. Hans Dpto Física -UFSM

conspiro-net

Beyond Conspiracy,Beyond Reality

Meio Mago

Transmute-se...

polluti labia

ANATOMIE DE L'ENFER

Quantum Web

Tecnologia da Informação

%d blogueiros gostam disto: